Alemanha ordena Facebook para mudar a maneira como coleta dados

O escritório antitruste do país decidiu na quinta-feira que o Facebook está abusando de seu monopólio virtual nas mídias sociais, combinando dados do Instagram, WhatsApp e sites de terceiros.
O escritório disse que o Facebook FB ) usou os dados para criar um perfil exclusivo sobre cada usuário para ganhar mais poder de mercado.
No futuro, o Facebook terá que buscar o consentimento explícito dos usuários alemães para coletar e combinar esses dados. O Federal Cartel Office da Alemanha ordenou que o Facebook apresentasse propostas de como fazer isso. Se não estiver em conformidade, o regulador pode impor multas de até 10% do faturamento anual da empresa, ou cerca de US $ 5,5 bilhões neste caso.
“Estamos realizando o que pode ser visto como um desinvestimento interno dos dados do Facebook”, disse Andreas Mundt, presidente do escritório antitruste. “O Facebook não poderá mais forçar seus usuários a concordar com a coleta e a atribuição praticamente irrestritas de dados que não sejam do Facebook em suas contas de usuário do Facebook”.
O Facebook disse que discordou da decisão e planeja apelar contra ela.
“O cartel subestima a feroz concorrência que enfrentamos na Alemanha, interpreta mal nossa conformidade com as regras européias de privacidade e enfraquece os mecanismos que a legislação européia oferece para garantir padrões consistentes de proteção de dados em toda a UE”, disse o Facebook em um post no blog.
Ele também acusou o Cartel Federal de tentar “implementar um padrão não convencional para uma única empresa”.
O caso pode ter implicações significativas para o Facebook, especialmente se outros reguladores antitruste fizerem o mesmo. A principal autoridade antitruste da Europa, a Comissão Européia, disse na quinta-feira que tomou nota da decisão alemã.
“Os reguladores estão começando não só para mostrar seus dentes, mas para realmente morder”, disse Paul Bernal, professor de direito de imprensa da Universidade de East Anglia.
Ele disse que casos como esse podem acabar levando os órgãos reguladores a tentarem acabar com o Facebook por causa do enorme controle sobre os dados acumulados ao longo dos anos.
“Muitas pessoas estão percebendo que deixar o Facebook construir seu império através de aquisições, principalmente do WhatsApp e do Instagram, não tem sido uma coisa boa, e que algo precisa ser feito a respeito”, disse ele.
O Federal Cartel Office disse que o Facebook, com seus 23 milhões de usuários ativos diários, tem mais de 95% do mercado alemão. Argumentou que empresas como o Snapchat SNAP ) , o YouTube e o Twitter do Google GOOGL ) TWTR ) não oferecem os mesmos serviços que o Facebook e, portanto, não podem ser incluídos no mercado.
O Facebook discordou dessa avaliação. Ele disse que a investigação do escritório antitruste descobriu que 40% dos usuários de mídia social na Alemanha não usam o Facebook.

Falta de escolha

No entanto, o Federal Cartel Office disse que, mesmo que outros serviços fossem incluídos, o Facebook ainda teria uma participação de mercado muito alta.
“A única escolha que o usuário tem é aceitar a combinação abrangente de dados ou se abster de usar a rede social”, disse Mundt.
“Em uma situação tão difícil, a escolha do usuário não pode ser referida como consentimento voluntário”, acrescentou.
Facebook registra lucro de US $ 6,9 bilhões, apesar dos escândalos de privacidade
O Instagram foi adquirido pelo Facebook em 2012. O WhatsApp foi lançado em 2014. Ambas as plataformas permaneceram relativamente independentes por algum tempo. Mas eles se tornaram cada vez mais importantes para o Facebook, uma vez que se esforça para lidar com a desinformação em sua plataforma, interferência eleitoral e escândalos de privacidade.
O New York Times informou no mês passado que o Facebook estava planejando integrar a infraestrutura do WhatsApp, Instagram e Messenger.

Canal theevolutiontech

Apenas mais um fã da grande rede , um maluco pela internet que passa grande parte do tempo conectado sempre a procura de novidades online , e sempre achando já que a rede é movida por novidades ...

Deixe um Comentário !