Cientistas descobrem como fazer “upload de conhecimento” para o cérebro

Enviar conhecimento diretamente para o seu cérebro, exatamente como no filme de ficção científica Matrix, poderá em breve demandar um esforço semelhante ao de dormir, cientistas acreditam.
Pesquisadores alegam ter desenvolvido um simulador que pode enviar informações diretamente para o cérebro de uma pessoa e a ensiná-la novas habilidades em um curto período, comparando-o com a “imitação da arte pela vida”.
Eles acreditam que esse simulador pode ser o primeiro passo no desenvolvimento de uma software avançado que irá fazer do aprendizado instantâneo, ao estilo de Matrix, uma realidade.
No clássico da ficção científica, o protagonista Neo é capaz de aprender Kung Fu em segundos depois que essa arte marcial é carregada para o seu cérebro.
Pesquisadores da HRL Laboratories, com sede na Califórnia, dizem ter encontrado uma maneira de ampliar o aprendizado, só que em escala muito menor do que visto no filme de Hollywood.
Eles estudaram os sinais elétricos de um cérebro treinado de um piloto e então introduziram os dados de modo idêntico em indivíduos novatos, que aprenderam a pilotar um avião em um simulador de voo realista.
O estudo, publicado no periódico Frontiers in Human Neuroscience, descobriu que os indivíduos que receberam a estimulação cerebral via eletrodos implantados na cabeça melhoraram suas habilidades de piloto e aprenderam as tarefas 33% melhor que o grupo placebo.
“Nosso sistema é um dos primeiros do tipo. É um sistema de simulação cerebral”, explica o Dr. Matthew Phillips”.
“Isso parece ficção científica, mas há uma grande base científica para o desenvolvimento do nosso sistema”.
“A função específica que nos estávamos procurando era pilotando uma aeronave, que requer uma sinergia da performance cognitiva e motora”.
“Quando vc aprende algo, seu cérebro muda fisicamente. Conexões são criadas e fortalecidas em um processo chamado de neuroplasticidade”.
“Acontece que certas funções do cérebro, como fala e memória, estão localizadas em regiões muito específicas do cérebro, com cerca do tamanho do seu dedo mindinho”.
O Dr. Matthews acredita que a estimulação cerebral pode ser usada para tarefas como aprender a dirigir, para estudar para uma prova ou aprender outro idioma.
“O que o nosso sistema faz é, na verdade, direcionar essas alterações para regiões específicas do cérebro conforme você aprende”, acrescentou.
“O método em si é bastante antigo. De fato, 4000 anos atrás os antigos egípcios usavam peixe elétrico para estimular e reduzir a dor.”
“Até mesmo Ben Franklin aplicou correntes elétricas em sua cabeça, mas a rigorosa investigação científica desses métodos começou no início do ano 2000 e nós estamos construindo sobre esta pesquisa para direcionar e personalizar uma simulação da forma mais eficaz possível”.
“Seu cérebro será muito diferente do meu cérebro quando executarmos uma tarefa. O que descobrimos é que estimulação cerebral parece ser particularmente eficaz em melhorar a aprendizagem “.
Veja o vídeo (em inglês):

Se gostou comente, meu pagamento é seu comentário, valorize o site agradeça.
O estímulo é meu , a reação é sua, o Site é nosso.
Share on Google Plus

About Canal TheEvolutionTecH

Quem Sou? Apenas mais um fã da grande rede , um maluco pela internet que passa grande parte do tempo conectado sempre a procura de novidades online , e sempre achando já que a rede é movida por novidades. ""
    Blogger Comment

1 comentários:

  1. que loco kkkkk, tem nego que vai querer uns outros conhecimentos :v

    ResponderExcluir