Anonymous tira sites de Sergipe do ar em protesto contra bloqueio do WhatsApp

Contas de redes sociais ligados ao grupo de ativistas da web Anonymous afirmam que o coletivo tirou do ar diversas páginas ligadas ao governo e ao judiciário do Estado de Sergipe. A atitude, segundo as contas, seria uma retaliação contra o bloqueio do WhatsApp no Brasil que começou a vigorar hoje às 14h.
A página do Facebook AnonOpsBrasil realizou duas postagens mostrando que os sites www.se.gov.br (do governo do estado de Sergipe), www.tjse.jus.br (do Tribunal de Justiça de Sergipe) e www.jfse.jus.br (da Justiça Federal de Sergipe) estavam fora do ar.
As postagens são acompanhadas de uma imagem com a máscara tradicionalmente assoiada ao Anonymous e as letras DDOS, sugerindo que o grupo realizou um ataque DDoS contra os sites. Até o momento, eles seguem fora do ar.
Pelo Twitter, a conta AnonH4 também enviou mensagens semelhantes, comprovando a queda dos sites. Tanto no Twitter como no Facebook, as contas utilizam a hashtag #OpStopBlocking, sugerindo uma retaliação do coletivo contra o bloqueio do aplicativo em território nacional. Segundo outros usuários usando essa mesma hashtag, os sites deverão ficar fora do ar por 72 horas também (o prazo inicialmente determinado pela justiça de Sergipe para o bloqueio do WhatsApp);
Os posts dos grupos também trazem outras informações. O coletivo sugere aos seguidores que sempre utilizem criptografia em suas conexões e, se possível, criem suas próprias VPNs (redes virtuais provadas). As páginas também direcionam seus leitores a um guia sobre como burlar a censura do WhatsApp.
Se gostou comente, meu pagamento é seu comentário, valorize o site agradeça.
O estímulo é meu , a reação é sua, o Site é nosso.
Share on Google Plus

About Canal TheEvolutionTecH

Quem Sou? Apenas mais um fã da grande rede , um maluco pela internet que passa grande parte do tempo conectado sempre a procura de novidades online , e sempre achando já que a rede é movida por novidades. ""
    Blogger Comment

0 comentários:

Postar um comentário